Abuso de drogas ilícitas e suas manifestações orais

Palavras-chave: Drogas Ilícitas, Manifestações Orais, Saúde Bucal, Usuários de Drogas

Resumo

Introdução: O abuso de drogas ilícitas é uma das principais adversidades de saúde pública e sociais em todo o mundo, uma vez que os dependentes químicos apresentam alterações comportamentais e descuido da saúde geral e bucal. Grande parte dos usuários de droga apresentam baixa imunidade e várias alterações que podem influenciar no desenvolvimento de patologias oncológicas, além de outras enfermidades. O número de usuários de drogas ilícitas no Brasil aumenta cerca de 10% ao ano, sendo que as drogas mais utilizadas são maconha, cocaína, crack e heroína, todas são substâncias com efeitos psicoativos, esses dependentes procuram consumir tais substâncias a fim de obter relaxamento e efeitos prazerosos. Contudo, o abuso dessas substâncias pode causar alterações na cavidade bucal como xerostomia, experiência de cárie elevada, redução do fluxo salivar e capacidade tampão, bruxismo, perdas dentais, doença periodontal, halitose, queilite angular e estomatite. Objetivo: Levantamento na literatura com finalidade de identificar e descrever as principais lesões e manifestações orais relacionadas ao consumo das drogas ilícitas mais utilizadas. Metodologia: Realizou-se uma revisão de literatura de artigos relacionados ao assunto nas bases de dados Scielo, PubMed e Lilacs utilizando como descritores as palavras “manifestações orais”, “drogas ilícitas”, “saúde bucal” e “usuários de droga”. Foram selecionados 21 artigos publicados entre 2000 e 2021. Discussão: Estima-se que em todo mundo, há 243 milhões de pessoas com idade entre 15 e 64 anos são usuárias de alguma droga ilícita, o que acarreta aproximadamente 5.000 mortes anuais na América Latina e no Caribe. O aumento do uso de substâncias ilícitas em todo mundo, é relacionado à oferta de novas drogas e o lucro gerado por elas. Atualmente a maconha é a droga ilícita mais utilizada, seguida das anfetaminas, ecstasy e logo após se encontra a cocaína e seus derivados. Conclusão: O uso de drogas ilícitas pode gerar vários danos à saúde oral, desde halitose e gengivite ao câncer bucal. Além do descuido com a higiene oral e a ação direta dessas substâncias nas glândulas salivares, causando diminuição do fluxo salivar que pode resultar no aumento da incidência de lesões cariosas e inflamações nos tecidos moles da boca. O cirurgião-dentista tem papel fundamental em reconhecer o abuso das substâncias e iniciar o tratamento odontológico para tratar e prevenir lesões na cavidade bucal, quanto pode encaminhar o paciente para acompanhamento de uma equipe multidisciplinar, uma vez que o abuso de substâncias psicoativas gera consequências em todo corpo.

Publicado
27-12-2021
Como Citar
Melo Franco Santiago Cardoso, E., Castanheira, J., Daielly América Gabriel, J., Ara´´ujo BorgesC., de Oliveira Andrade Mota, M., Vianna Júnior, J., Dietrich, L., & de Oliveira Andrade, C. (2021). Abuso de drogas ilícitas e suas manifestações orais. Revista De Odontologia Contemporânea, 5(1 Supl 2), 4. https://doi.org/10.31991/v5n1sup22021abusodedrogas