IDENTIFICAÇÃO HUMANA POST-MORTEM POR MEIO DA ODONTOLOGIA: Revisão de literatura

Palavras-chave: Odontologia Legal. Identificação Humana. Morte

Resumo

A identificação humana por meio da Odontologia é uma das áreas de competência e atuação do especialista em Odontologia Legal, a qual pode contar com a contribuição de cirurgiões-dentistas clínicos, pois estes são responsáveis pela guarda de dados odontológicos dos pacientes, os quais podem ser úteis em acontecimentos que necessitem de identificação humana. Através de uma pesquisa bibliográfica utilizando as palavras-chave: “Odontologia legal”, “Identificação humana” e “Morte”, no período de “1991 a 2017”, foi verificado a existência dos métodos: queiloscopia, rugoscopia palatina, avaliação dos dentes para estimativa de idade e estatura, coleta de DNA de dentes e saliva e análise das estruturas anatômicas cranianas. Para realização destes métodos é necessário o arquivamento de radiografias, modelos e preenchimento do prontuário odontológico pelo cirurgião-dentista, facilitando o exercício da Odontologia legal. Portanto, a identificação com o auxílio da odontologia possui métodos eficazes, baseado na sua confiabilidade, facilidade, baixo custo e rapidez.

Publicado
28-01-2022
Como Citar
Borges, L., Rosa, T., Dietrich, L., Prudente, M., Mota, M., & Andrade, C. ( ). IDENTIFICAÇÃO HUMANA POST-MORTEM POR MEIO DA ODONTOLOGIA: Revisão de literatura. Revista De Odontologia Contemporânea, 2(1), 21-27. https://doi.org/10.31991/v2n12018postmortem