O uso de cimentos biocerâmicos em endodontia

  • Paola Sousa Santana Faculdade Patos de Minas
  • Eduardo Silva Botelho
  • Dalila Viviane Barros
Palavras-chave: Endodontia, Obturação de canal radicular, Nanotecnologia

Resumo

Os cimentos biocerâmicos surgiram como alternativa de material odontológico utilizado na endodontia, apresentando propostas diferenciadas em relação aos outros materiais utilizados na obturação dos canais radiculares. O objetivo desse trabalho é apresentar uma revisão de literatura sobre a utilização dos cimentos biocerâmicos na endodontia e analisar suas reais vantagens e desvantagens em relação aos cimentos não biocerâmicos, já utilizados nos tratamentos endodônticos. Para a concretização desse trabalho foram utilizados os bancos de dados PUBMED, SCIELO, SCIENCE DIRECT e GOOGLE ACADÊMICO.Com base na revisão literária realizada, concluiu-se que os cimentos biocerâmicos apresentam vantagens como maior biocompatibilidade, melhor radiopacidade, tempo de trabalho favorável, dentre outros. Contudo, podem-se observar desvantagens dos mesmos em relação à sua utilização clínica e à falta de mais estudos, quando se fala da sua utilização na endodontia.

Publicado
01-01-2021
Como Citar
Santana, P., Botelho, E., & Barros, D. (2021). O uso de cimentos biocerâmicos em endodontia. Revista De Odontologia Contemporânea, 5(1), 63-68. https://doi.org/10.31991/v5n12021roccimento