A notificação e prevenção do abuso infantil pelos profissionais da saúde: revisão de literatura

  • Bruna Cristine Ferreira dos Santos Faculdade Patos de Minas - FPM
  • Marielly Chrstie Ruivo de Almeida Faculdade Patos de Minas - FPM
  • Lia Dietrich Faculdade Patos de Minas - FPM https://orcid.org/0000-0001-7887-8591
  • Mayra Maria Coury de França Faculdade Patos de Minas - FPM
  • Mariana de Oliveira Andrade Mota Universidade de Uberaba - UNIUBE
  • Cláudia Maria de Oliveira Andrade Faculdade Patos de Minas - FPM https://orcid.org/0000-0003-4529-8106
Palavras-chave: Abuso infantil, Notificação compulsória, Profissionais de saúde

Resumo

Abuso infantil é caracterizado como sendo toda e qualquer ação ou omissão causada por um indivíduo adulto a uma vítima incapaz de responder por seus próprios atos, gerando danos físicos, psicológicos e sociais. Objetivou-se através deste manuscrito conscientizar o profissional de saúde, principalmente o cirurgião-dentista, sobre a importância na detecção e notificação de casos suspeitos de abuso infantil e qual conduta deve ser realizada mediante esta situação. Tratou-se de uma revisão de literatura narrativa, por meio de uma pesquisa bibliográfica exploratória e qualitativa em livros e artigos com idioma inglês e português, com anos de seleção entre 1998 a 2018, tais artigos científicos foram obtidos através das bases de dados como: PubMed, Lilacs, Scielo e Medline. Também foram realizadas pesquisas na Legislação Brasileira e consultas em livros. Todos os profissionais da área da saúde devem ser conscientizados e estimulados de forma correta caso haja confirmação ou suspeita aparente de abuso infantil, para que seja reduzido o número de danos irreparáveis na vida da criança e adolescente abusado.

Publicado
01-01-2021
Como Citar
dos Santos, B., Ruivo de Almeida, M., Dietrich, L., de França, M., Mota, M., & Andrade, C. (2021). A notificação e prevenção do abuso infantil pelos profissionais da saúde: revisão de literatura. Revista De Odontologia Contemporânea, 5(1), 1-8. https://doi.org/10.31991/v5n12021rocabuso